Pular para o conteúdo principal

CANTO DA PEIXADA (Manaus-AM)

Manaus
NO REINO DO TAMBAQUI


Eu não vou enganar ninguém, gostar de Manaus não é muito fácil não...porta de entrada da Amazônia, pra quem tem interesse em passeios de barco, incursões na selva, ver índios, raízes, temperos exóticos, etc. e tal a cidade é uma passagem; agora, pra quem só quer se divertir por uns dias numa cidade bacana é mais complicado. A combinação do calor - brutal em algumas épocas do ano - com o trânsito numa cidade que não se destaca pela beleza arquitetônica torna o turismo pouco atraente por lá, mas claro que, como em toda cidade grande, sempre tem alguma coisa pra ver e pra fazer!
Peixes num restaurante popular

Além do mais, pra mim não gostar de férias hj em dia tem que acontecer uma tragédia no meio delas (...). E eu revi o fulano afinal, fomos muito amigos, tem muita história da juventude!;) 
Me diverti por lá, mas confesso que não sei qdo. volto não, nem tanto pela distância, mas a cidade e o clima não colaboram, definitivamente.


Manaus

O bar mais famoso de Manaus é de dar medo - é feio e sujo, e o serviço é péssimo (...) - chama-se BAR DO ARMANDO... fujam!
Já a CACHAÇARIA DO DEDÉ vale a pena... muitas cachaças, cervejas de qualidade e bons petiscos - num cardápio muito bem montado - num ambiente alegre.




Mas, se quanto aos bares a cidade pode decepcionar, no quesito peixes de rio e cozinha regional a satisfação é garantida! Fui a vários restaurantes, os chiques e turísticos e os menos destacados na mídia, preferidos por moradores. O LENHADOR é um tremendo pega-turista, dispensável, a não ser que se esteja louco pra comer tartaruga e jacaré.
Gostei do AMAZÔNICO, mas restaurante imbatível pra mim em Manaus é o CANTO DA PEIXADA, ao qual tive o prazer de retornar;)


Manaus pode não ser grande coisa, mas o CANTO é, almoçaria lá toda semana se morasse lá. São peixes grandes e que vêm de longe segundo soube. O restaurante já tem 40 anos - talvez seja o mais antigo da cidade - e foi fundado por um alfaiate e um caboclo. São caldeiradas, peixes assados e a famosa costela de tambaqui, que em tempos idos rendeu um convite do (falecido) banqueiro Amador Aguiar à equipe do restô para irem a São Paulo, com tudo pago, fazer um almoço para...toda a diretoria do banco! 

costela de tambaqui
O CANTO tem uma fórmula matadora, pois é ao mesmo tempo simples e arrumado o suficiente para atrair tb - e talvez principalmente - os turistas, pois convenhamos, quem não é de Manaus não pode se sentir bem almoçando num restaurante sem ar condicionado, e o CANTO tratou de providenciar um salão com ar condicionado, tiro na mosca! Serviço de restaurante simples e preços compatíveis com a experiência. Evidentemente não é restaurante para se tomar vinhos e comer doces na sobremesa, aliás doce em Manaus só se for um sorvete, os de frutas regionais são excelentes por sinal!;)


CANTO DA PEIXADA
R. Emílio Moreira 1.677
Pça. 14
Manaus-AM

Cozinha - **1/2
Serviço - **
Preços - **+
Ambiente - **+
Acolhida - não se aplica

*** - Excelente
** - Bom/Regular
* - Sofrível



Comentários

  1. Belo texto! Boas dicas! Fiquei com vontade de conhecer Manaus e me deliciar!

    ResponderExcluir
  2. Amo Manaus ia lá pelo menos duas vezes por ano. Sempre comia no Morangueta. Também amava ir ao mercado comer tambaqui assado na rua acompanhado de baré tutti frutti bem gelado. O canto da peixada também é maravilhoso. Fui lá com alguns amigos professores da Ufam superando o preconceito de um restaurante com ar condicionado. Como lá uma moqueca deliciosa e as maravilhosas costelas de tambaqui. Nesse dia tomei até uma cerveja gelada. Ai que saudades de Manaus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário. Olha só, alguém fã de Manaus, que legal...escreva sempre!

      Excluir
  3. Querido Marcelo,
    Não conheço Manaus, mas adorei a sinceridade dos seus comentários, traduzidos em verdadeiro retrato falado da cidade. Pude sentir o calor e o suor do clima quente e úmido; senti-me misturar aos transeuntes, incluindo índios e turistas; pude sentir o aroma exótico e atraente exalando da cozinha do CANTO DA PEIXADA. O preparo dos peixes, imagino eu, pela maturidade dos seus 40 anos do CANTO, seja algo entre o tradicional e o rudimentar renovado, pois o que é bom de verdade resiste ao tempo. Você aguçou minha curiosidade - e meu apetite! Um forte abraço, meu querido, e parabéns pelo blog. Tatiana Sabóia

    ResponderExcluir
  4. Obrigado pelo comentário e pelos parabéns, adorei...escreva sempre! Forte abraço.

    ResponderExcluir

Postar um comentário