sexta-feira, 29 de novembro de 2019

FILÉ DE OURO (Rio de Janeiro-RJ)

NO REINO DOS FILÉS

Uma das melhores pedidas para quem está no Rio de Janeiro e tem fome é, sem dúvida, a escolha de um restaurante português. A 'cidade maravilhosa' tem forte influência na gastronomia dos muitos portugueses - particularmente do norte - que para lá imigraram, atrás de uma vida melhor, na então colônia tropical. O botequim do português é uma instituição carioca. Em muitos bares e restaurantes populares pode-se provar bons pratos e petiscos de inspiração lusa. E há tb restaurantes mais sofisticados.




bolinhos de bacalhau

Se o Rio tem muitos problemas, tem tb beleza e charme pra dar e vender. Já fui a um sem número de bares e restaurantes por lá onde se pode provar bons pratos e petiscos portugueses. Mais que restaurantes, os vetustos LAMAS e NOVA CAPELA são verdadeiras atrações turísticas pode-se dizer! O PAVÃO AZUL serve as sensacionais pataniscas de bacalhau, que gente do mundo todo vai provar num lugar que podia... dar uma melhorada, convenhamos. Marcou época na cidade um português chique, o ANTIQUARIUS, sempre cheio de celebridades e VIP's. Em Brasília pode-se visitar o restaurante do ex-sócio do ANTIQUARIUS, Manoelzinho: É o TEJO, na tradicional rua dos restaurantes.


LAMAS

No tradicional ADEGÃO PORTUGUÊS comi outro dia, acho, o melhor bacalhau da vida: Em lascas à moda da casa. Sensacional!;) Este restaurante situa-se tradicionalmente em São Cristóvão, mas de uns anos pra cá presenteou a cidade com filiais em Ipanema e na Barra. 


ADEGÃO PORTUGUÊS

Mas o tema de hj é o tradicional FILÉ DE OURO carioca, um restaurante que levou o filé às últimas consequências pode-se dizer! É um restaurante singular. Tem umas poucas entradas, uma salada, bolinhos de bacalhau (bons aliás), uns poucos pratos de frango e camarão (ótima a fritada) e uma infinidade de filés, para até...6 pessoas, pasmem!




Não conheço nenhum restaurante como o FILÉ DE OURO, com óbvia vocação para famílias e grupos. A gente escolhe o tamanho do filé e as guarnições, podendo escolher tb entre variados preparos de batata. Feijão preto acompanha todos os pratos. Reina entre os pedidos o carioquíssimo filé à Osvaldo Aranha, criado na cidade. Li uma vez que Osvaldo gostava de pedir o arroz misturado à farofa, mas é difícil de se achar o prato servido assim. De qq. forma, pode-se fazer a mistura no prato;)




Fundado por um espanhol nos anos 60, já é a nova geração que cuida do negócio, próspero a julgar pela casa sempre cheia. Merecem, pois é tudo muito bom, comida, serviço. Conforto e preços não estão no ótimo nível da comida e do serviço, devo dizer, mas nada muito comprometedor. Eu nunca bebi nada alcoólico no FILÉ, mas diria que é um restaurante pra se tomar um chope e não inventar. Sobremesas tb nunca tentei, quem sabe um dia. Bom restaurante de bairro o FILÉ, ótima pedida pra se acoplar quem sabe à um passeio no Jardim Botânico, um dos melhores que se pode fazer no Rio.
À bientôt.

FILÉ DE OURO
R. Jardim Botânico
Jardim Botânico
Rio de Janeiro-RJ

Cozinha - **1/2
Serviço - **1/2
Preços - **+
Ambiente - **+
Acolhida - **

*** - Excelente
** - Bom/Regular
* - Sofrível





ROTT BAR (Brasília-DF)

CARNE, BRASA, CERVEJA... (Leia ouvindo Jimi Hendrix se possível) Não sei direito se estamos no meio de uma pandemia ou já depois dela. O fat...